2 de agosto de 2009

Produtora lança documentário sobre benzeduras

Produttora lancia documentario su guarigioni


Capa do documentário Benzeduras - A sagração do cotidiano
Recebi do jornalista e diretor de vídeo Lissandro Stallivieri o convite para a estreia do novo documentário da Spaghetti Filmes: A Sagração do Cotidiano - Benzeduras. O filme mostra a tradição secular, estabelecida pela crença popular, para a cura de lesões cutâneas, como as verrugas e os cobreiros, por exemplo.

Ho ricevuto del giornalista e regista di video Lissandro Stallivieri l'invito alla premiere del nuovo film documentario della produttora Spaghetti Filmes: A Sagração do Cotidiano - Benzeduras. Il film mostra la secolare tradizione, istituita dalla credenza popolare, per la guarigione delle lesioni cutanee, come verruche, per esempio.

Direção de Janete Kriger / Direzione Janete Kriger

Cenas do documentário Benzeduras - A sagração do cotidiano
O filme é dirigido por Janete Kriger, com roteiro de Alessandra Rech. As sessões de estreia estão marcadas para terça-feira, dia 4 de agosto (20h), e domingo, dia 9 de agosto (18h30min), na Sala de Cinema Ulisses Geremia, do Centro de Cultura Dr. Henrique Ordovás Filho, em Caxias do Sul (RS). A entrada é gratuita. Como o nome sugere, a Spaghetti Filmes é uma produtora ítalo-brasileira. Tem sedes em Caxias do Sul, no Rio de Janeiro (RJ), e em Vicenza, na Itália.

Il film c'è la direzione di Janete Kriger, con sceneggiatura di Alessandra Rech. Le prime sessioni sono previste per il martedì, 4 agosto (20h in Brasile), e domenica, 9 agosto (18h30min), nella Sala del Cinema Ulisses Geremia, do Centro per la Cultura Dott. Henrique Ordovás Filho, a Caxias do Sul (RS), sud del Brasile. L'ingresso è gratuito. Come suggerisce il nome, la Spaghetti Filmes è una produttora italo-brasiliana, con uffici a Caxias do Sul, Rio de Janeiro (Brasile) e Vicenza, in Italia.

Trailer


Ficha técnica / Scheda tecnica

Direção/Direzione: Janete Kriger
Roteiro/Sceneggiatura: Alessandra Rech
Edição/Edizione: Samuel Bovo
Trilha Sonora/Colonna sonora: Léo Ferrarini
Financiamento/Finanziamento: Fundoprocultura

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esperamos seu comentário. Aspettiamo i vostri commenti.